História

Linha do tempo

  • 2010 – Inicio de experiência inovadora de cooperação técnica trilateral na área da educação, que uniu guineenses e brasileiros em torno do projeto Jovens Lideranças Para a Multiplicação de Boas Práticas Socioeducativas.

  • 2011 – A Câmara de Bissau formalizou a doação do terreno da escola. O Ministério da Educação Nacional foram os responsáveis pela doação do terreno escolhido pela comunidade para a construção do Centro Educacional.

  • 2012 –  Inicio das atividades práticas da primeira fase: os mutirões para construção do Centro Educacional Amizade São Paulo

  • 2013 – Governo brasileiro, a UNESCO e demais parceiros, dão continuidade à construção da infraestrutura.

  • 2014 –  Finalização da construção da escola

  • 2015 – Guiné-Bissau coloca em prática o Plano Estratégico e Operacional 2020 intitulado “Terra Ranka”

  • 2016 – No ensino não formal foram promovidas quatro formações, em 2016 e 2017, para compartilhar as práticas socioeducativas desenvolvidas pela Fundação Gol de Letra e a metodologia do Programa Escola Aberta.

  • 2017 – Início das ações da rede de parceiros: fortalecimento de parcerias com universidades, grupos e organizações que possam organizar diferentes atividades e eventos no CEASP e dinamizar ainda mais o espaço existente, beneficiando a comunidade local.

  • 2018 – Implementação de diversos instrumentos de avaliação com os atores locais apontaram a necessidade de reformulação do sistema de gestão escolar e sustentabilidade do CEASP.

  • 2019 – Implementação de um novo modelo de gestão com realização de diversas reuniões e encontros com representantes da educação formal, voluntários, parceiros da cooperação, pais e encarregados.

    Criação, em 2019, da Associação de Pais, Amigos e Encarregados – APAE.

%d bloggers like this: